Esportes

14 de Outubro de 2019 às 11:45:01h

Novo Estádio Dito Souza é inaugurado e volta a ser palco de jogos em Várzea Grande

Com mais de R$ 2 milhões em recursos próprios do Tesouro de Várzea Grande, a prefeita Lucimar Sacre de Campos inaugurou o novo Estádio de Várzea Grande, ‘Dito Souza’, uma obra que foi reconstruída e melhorada para fomentar a prática de futebol profissional e amador da segunda maior cidade de Mato Grosso.

 

Essa é a terceira grande obra ligada ao esporte, ao lazer e ao entretenimento entregue nos últimos dois meses pela Prefeitura de Várzea Grande.

Primeiro foi a ‘Via 31 Esportiva’, seguido pelo novo Ginásio Poliesportivo Júlio Domingos de Campos – Fiotão e agora o Estádio de Várzea Grande e segundo a prefeita novas praças de lazer deverão ser entregues.

Revivendo a história e os costumes do Grande Cristo Rei e de toda população várzea-grandense, de ser palco de jogos e diversão para famílias inteiras que se encontram aos finais de semana para assistirem partidas de futebol, foi reinaugurado com uma grande festa popular gratuita, o novo estádio Benedito Laurindo de Souza, popular “Dito Souza”.

O evento que trouxe grandes nomes do futebol nacional e também contou com políticos de todas as esferas de Mato Grosso, empresários, torcedores e sociedade em geral, deu uma prova de que a economia local deve ser aquecida, movimentando uma série de pequenos empreendedores como restaurantes, lanchonetes e ambulantes ao redor do estádio.

“Esse é um equipamento importante para o município e vai proporcionar opções de esporte e lazer para as famílias de Várzea Grande, na volta dos jogos de futebol de campo, com times profissionais, semiprofissional e amador, além de abrigar campeonatos interbairros. Tudo fruto de esforços, para devolver ao várzea-grandense mais opções de lazer”, disse a prefeita.

Os investimentos no setor esportivo já somam mais de 25 milhões, incluindo quadras poliesportivas, espaços Fit, praças, a Via 31 Esportiva, o Ginásio Poliesportivo Júlio Domingos de Campos - “Fiotão”. “Todas estas obras são de extrema importância para as comunidades, o que vem transformando o comportamento dos moradores na busca de mais qualidade de vida, com práticas esportivas em locais próximos de suas casas”, disse a prefeita de Várzea Grande, Lucimar Sacre de Campos.

Em seu discurso durante a inauguração, Lucimar Campos, fez questão de destacar a história do estádio Dito Souza e sua importância para a população local. “Quero falar de emoção, coração e amor, pois, sei que são esses sentimentos que representam para a população e para o time do Operário. Obras como esta fazem com que todos amem nossa cidade. Esta é uma obra para todos os setores que contribuíram, é uma obra para a família. Esse estádio é de cada um de vocês que pagam impostos, estamos devolvendo em obras que nossa população precisa”, enfatizou a prefeita.

O vice-prefeito José Hazama, também lembrou a importância histórica que o estádio possui para Várzea Grande citando que o homenageado Benedito Laurindo de Souza (Dito Souza) foi vereador da cidade por vários mandatos, e, mereceu a homenagem. “Só faz sentido estar na política fazendo bons serviços e trabalhando para a população que nos elegeu. Parabéns a todo o esforço da equipe de trabalho que preparou essa grande festa, para a inauguração de uma das mais importantes obras na área do esporte. Sabemos que todas as áreas estão sendo beneficiadas e tendo obras inauguradas, e também podemos afirmar que temos o esporte como prioridade, uma vez que a cidade ficou há anos sem investimentos”, disse.

Citando a busca pela cidadania e a qualidade de vida para a população várzea-grandense, seja na educação, na cultura ou no esporte, o secretário municipal de Educação, Cultura, Esportes e Lazer, Silvio Fidelis, disse “que agora os clubes terão um espaço apropriado para treinos. Esse estádio já abrigou importantes campeonatos do futebol mato-grossense, por isso a importância de se investir para colocá-lo novamente funcionamento”.

Acompanhando a prefeita durante a inauguração, o senador Jayme Veríssimo de Campos citou melhorias e obras entregues pela prefeita Lucimar Campos e destacou que o novo estádio “Dito Souza” está apto a receber jogos estaduais e nacionais, seguindo os padrões exigidos pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). “Uma noite de alegria para o esporte mato-grossense, sobre tudo para o esporte várzea-grandense. A prefeita Lucimar Campos tem demonstrado mesmo diante da crise que vive o país, uma administração zelosa e competente pela forma com que tem aplicado o dinheiro público arrecadado. Prova disso é o pacote de obras que vem sendo inaugurado, a exemplo da Via 31 Esportiva, o Fiotão, e em poucos dias outro ginásio de esportes parecido com o Fiotão será inaugurado na região dos bairros Asa Bela, Asa Branca, Eldorado, Cidade de Deus, além de uma praça de esportes com outro miniestádio”, enumerou.

Jayme Campos também mencionou que a Chefe do Executivo está preparando um pacote de obras em relação as praças esportivas. “Ela está fazendo um trabalho completo, priorizando todas as áreas. Nos próximos dias a prefeita irá inaugurar mais quatro praças públicas e um grande parque está sendo construído no bairro São Mateus. Um total de R$ 70 milhões investidos em área de lazer e esportes aqui na cidade. São poucos os municípios desse país que têm realizado o volume de obras que está realizando em Várzea Grande com mais de 157 obras em andamento, todas elas voltadas para a qualidade de vida da população e a valorização da cidade como um todo”.

Para a torcedora símbolo do Operário Várzea-grandense, Mariana Fernandes Macedo, de 60 anos, a reinauguração é muito importante. “Esse estádio vai trazer o povo novamente para dentro do estádio. Esse é o local frequentado por todas as classes sociais porque o esporte é para todos igualmente”, declarou.

O NOVO ESTÁDIO DE VÁRZEA GRANDE – Com obras no valor de R$ 2.097.336,46 milhões de recursos próprios, o estádio ganhou arquibancadas do lado direito do campo, aumentando sua capacidade para 2,6 mil expectadores sentados. Um novo conjunto de banheiros para o público foi construído para atender inclusive portadores de necessidades especiais (PNE). Os banheiros e vestiários para os atletas também foram ampliados e remodelados.

A iluminação do estádio foi modernizada com a instalação de 104 luminárias de LED de 400w e 500w, em quatro pontos laterais, ampliando a visibilidade para jogadores e expectadores acompanharem os lances em um campo de tamanho oficial (105x70m) com gramado em perfeito estado de conservação.

O estádio também ganhou cabines climatizadas para sala de imprensa e para o Juizado Especial do Torcedor - JET, além da tribuna de honra para autoridades e convidados.

PONTA PÉ INICIAL – Em campo, após o ponta pé inicial pela prefeita Lucimar Sacre de Campos e pelo senador Jayme Veríssimo de Campos, teve início a partida de inauguração do novo estádio. Com um time formado por craques do futebol nacional. Para Marcelinho Carioca, ídolo do Corinthians “a gestão municipal está de parabéns por incentivar o futebol amador e também o profissional, principalmente por oferecer oportunidades as escolinhas revelarem novos talentos”. Já o jogador Dinei destacou o carinho da torcida várzea-grandense. “Fomos muito bem recebidos, a torcida é muito carinhosa, é um momento de confraternização, me sinto em casa”.

Também jogaram Amaral, Souza, Jean ex-Flamengo, Rico, Marcelinho Paraíba, Edilson Capetinha, João Luis, Biro Biro e Gustavo Neri. Todos jogaram nos principais times do Brasil e na Seleção Brasileira.

Os dois times do Operário de Várzea Grande foram compostos por jogadores nacionais e locais e o liderado por Marcelinho Carioca sagrou-se vencedor por oito gols a seis de diferença, mas o grande ganhador como ele próprio declarou foram os moradores e a cidade de Várzea Grande que está de parabéns pela gestão de uma visionária, a prefeita Lucimar Sacre de Campos que vê no esporte uma maneira de dar chance e oportunidade para todos que desejam.

Antes de fechar o dia de festa a prefeita Lucimar Sacre de Campos lembrou que cada centavo investido na obra foi uma contribuição de toda a população de Várzea Grande que paga seus impostos, portanto, todos terão a obrigação de zelar e cuidar para que este patrimônio se torne ainda mais duradouro e sirva para todas as gerações atuais e futuras.

Fonte: Olhar Esportivo