Educação

17 de Novembro de 2018 às 13:43:51h

Estudantes da Escola Militar Tiradentes de Juara ganham viagem para a capital

Visitam a Assembleia Legislativa, o Comando Geral da Polícia Milita, a Arena Pantanal e passearam em um shopping center

Os alunos do 1º ano do ensino médio da Escola Tiradentes Cabo Israel Prado de Almeida, de Juara(a 790 km), estão em Cuiabá. Desde que chegaram, nessa segunda-feira (12.11), já visitam a Assembleia Legislativa, o Comando Geral da Polícia Milita e a Arena Pantanal.    

Nesta quarta-feira (14.11) os estudantes vão conhecer os quartéis do Batalhão de Operações Especiais (Bope)da Polícia Militar,e do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

No primeiro dia na capital mato-grossense os estudantes também passearam em um shopping Center da capital, passeio que devem repetir nessa quinta-feira (15.11), último dia da viagem.

Os alunos vieram acompanhados do diretor da escola, major Waldir Félix Oliveira Paixão Júnior, e de outros integrantes da equipe pedagógica e administrativa da Escola Tiradentes de Juara.

A viagem deles à capital é um prêmio pela segunda colocação da escola na prova do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) edição do 2017, cujo resultado foi divulgado mês passado pelo Ministério da Educação. A Escola Tiradentes de Juara ficou com o segundo lugar na classificação entre as escolas da rede estadual de ensino. Com 6.5 pontos, empatou com outras duas escolas militares, a Tiradentes de Nova Mutum e de Sorriso.

Para o diretor, major Félix, a viagem é mais que um prêmio pelo desempenho no Ideb, é uma oportunidade de sair da sala de aula e ir a campo, nesse caso conhecer e aprender visitando as instituições.

Para a estudante Dalila Gabrielly Bonetti Rocha, a viagem está sendo uma oportunidade de conhecer, apreender, divertir e reaproximar dos colegas. Gabrielly explica que até o ano passado todos os estudantes eram da mesma sala,a do 9º ano, porém agora estão divididos em duas turmas do ensino médio, uma matutina e outra vespertina. “Estudando em horário diferente não nos vemos com freqüência”, observou.

A estudante Camilla dos Santos Costa, 15 anos, que ingressou na escola militar por decisão da mãe, confessa que não só mudou de opinião sobre o ensino militar como já está pensando em ser policial. “No começo eu achava muito diferente, exigente, não gostava muito, mas agora sei que o ensino é bom, que exigir empenho e disciplina é bom para os alunos”, conta. Ela afirmou que já pensa em ser policial militar.

Quem compartilha do pensamento de Camilla é o colega Jhonatan Marcelino Morais, também de 15 anos. “A escola militar é bem diferente de onde eu estudava, o aluno é mais cobrado, mas isso é bom, melhor para nós”, detalha. Morais disse que não está totalmente decidido, mas vem pensando muito em seguir a carreira militar.

A Escola Tiradentes de Juara tem 190 alunos e começou a funcionar em 2017. Os alunos que integram essa caravana concluíram o 9º ano do ensino fundamental em 2017. 

Fonte: PMMT /SeducMT

Autor: Alecy Alves